setembro 04, 2021

[Marca Texto] #5

Li num Livro...
Me marcou...
Quero compartilhar...

Tem um bom tempo que não compartilho essa coluna aqui no blog e hoje resolvi publicar de maneira diferente. Não serão apenas frases de um livro, mas dois. Já faz um tempinho que eu assisti a série Sherlock da BBC e me encantei tanto com a história de Sherlock Holmes e John Watson que, além ver e rever a série, estou escrevendo fanfics e claro, decidi beber da fonte original.

Minha ideia era trazer direto as resenhas das histórias do detetive e seu melhor amigo que comecei a ler pelos ebooks, mas qual não foi minha alegria quando minha mãe me presenteou no meu último aniversário com o box da coleção completa. Agora vou começar a leitura novamente e só então escrever as resenhas. Enquanto isso, já adianto que amei a escrita de Arthur Conan Dolye e recomendo! Estou lendo os livros por ordem cronológica da publicação, então “Um Estudo em Vermelho” e “O Signo dos Quatro” foram as leituras de onde saíram os as frases de hoje!

Um estudo em vermelho (1887)

Às vezes fico deprimido, e passo dias a fio sem abrir a boca. Não deve pensar que estou amuado nessas ocasiões. Basta deixar-me em paz e logo volto ao normal.
Não suporto balbúrdia porque meus nervos estão abalados, acordo nas horas mais escandalosas e sou extremamente preguiçoso.

Nenhum homem sobrecarrega sua mente com minúcias a menos que tenha uma razão muito boa para isso.
Há nisso um mistério que estimula a imaginação; onde não há imaginação, não há horror.
Já lhe expliquei que em geral o que é fora do comum é um guia, não um obstáculo. Ao resolver um problema desse tipo, o essencial é ser capaz de raciocinar de trás para a frente.

O Signo dos Quatro (1890)

Possui duas das três qualidades necessárias ao detetive ideal: tem capacidade de observação e de dedução. Só é deficiente em conhecimento, e isso pode vir com o tempo.

Não posso viver sem trabalho intelectual. Que outra razão há para se viver? Chegue aqui à janela. Houve alguma vez um mundo tão monótono, melancólico, inútil?

Miss Morstan e eu continuamos juntos, sua mão na minha. Coisa maravilhosa e sutil é o amor, pois ali estávamos nós dois, que nunca nos víramos antes desse dia, que nunca havíamos trocado uma palavra ou mesmo um olhar de afeição, e, no entanto, agora, num momento de inquietação, nossas mãos se buscavam instintivamente uma à outra.

Como nos sentimos pequenos, com nossas ambições e anseios insignificantes, na presença das grandes forças elementares da Natureza!

Ele observa que, enquanto o homem individual é um enigma insolúvel, no agregado ele se torna uma certeza matemática. Nunca podemos prever, por exemplo, o que um único homem fará, mas podemos dizer com precisão o comportamento de um número médio. Indivíduos variam, mas porcentagens permanecem constantes.

Se eu já era apaixonada pelo John Watson antes de ler esses livros, ver a forma deslumbrada e encantadora com que ele vê o mundo me deixou mais apaixonada ainda. Quem dera as pessoas conseguissem ter essa visão quase beirando a ingenuidade infantil.

Então, gostaram dos trechos?
Se quiserem ler as edições anteriores dessa coluna é só clicar aqui: Marca-Texto

Título original: A Study in Scarlet
Autor: Sir Arthur Conan Doyle
Tradução: Maria Luiza X. de A. Borges
Sinopse: Um estudo em vermelho chegou a ser considerado uma espécie de "livro do Gênesis" para os casos de Sherlock Holmes, pois marca não só a primeira aparição pública do detetive mais popular da literatura universal como o primeiro encontro entre Holmes e Watson. Ao buscar conhecer melhor seu novo amigo, em pouco tempo Watson vê-se envolvido numa história sinistra de vingança e assassinato. [Fonte: Skoob]

Título original: The Sign of Three
Autor: Arthur Conan Doyle
Tradução: Maria Luiza X. de A. Borges
Sinopse: Assassinato, roubo, traição e vingança em mais um romance do detetive mais amado da literatura policial. "O Signo dos Quatro" traz Sherlock Holmes confiante como nunca e irresistivelmente atraído pelas agruras de sua cliente Mary Morstan, uma bela mulher atormentada por um passado nebuloso. Com seu caro Watson, Holmes vê-se às voltas com uma aventura repleta de elementos dramáticos: as figuras misteriosas de um pigmeu e um homem com perna de pau, uma caçada desesperada, um cão digno de confiança e uma furiosa perseguição pelo Tâmisa. [Fonte: Skoob]

12 comentários:

  1. Oi Helaina, tudo bom?
    Eu só li um livro do Sherlock Holmes e foi "Um Estudo em Vermelho", foi na época de escola e tenho a edição física aqui guardadinha, mas nem lembro da história, preciso reler!
    beeeijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alê!
      Tudo bem sim, e você?
      Eu nunca me interessei até a série da BBC, agora estou com medo de ler rápido demais e acabar.. hahaha..

      Beijos;

      Excluir
  2. Sherlie é amor puro. A série da BBC é muito impecável, queria mto a continuação, mas ta difícil. Ameeeeeeei os trechos que você deixou aqui!

    Um beijo,
    Fernanda Rodrigues | contato@algumasobservacoes.com
    Algumas Observações
    Projeto Escrita Criativa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, eu caí de amores pelo John de um jeito que nem sei explicar..hahaha, mas também acho o Sherlock um fofo! :3
      Eu não sei se quero uma continuação, prefiro ficar com as ideias nas minhas fanfics!
      Fico feliz que você tenha gostado! Espero um dia trazer as resenhas!

      Beijos;

      Excluir
  3. Interessante os trechos. A estória de Sherlock também chama a minha atenção.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está de volta com muitos posts novos! Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado!
      Está sendo meu primeiro contato com as histórias e estou adorando!
      Farei uma visita!

      Até mais;

      Excluir
  4. Eu amo as aventuras de Sherlock Holmes e gostei bastante da série da BBC também, aliás, acho que foi a melhor que já fizeram do detetive consultor. ^^
    Que bom que você está podendo ler em ordem cronológica, eu confesso que já li alguns livros, mas tudo fora de ordem, pois apesar de terem alguns acontecimentos importantes que ligam os livros, as investigações em si são distintas, então dá para ler de forma aleatória... hehe.
    Amei as frases que você destacou e espero que curta as próximas leituras. ^^
    Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ouvi falar sobre Sherlock a vida toda, mas nunca tinha lido nada até conhecer a série da BBC. Foi uma maravilhosa surpresa.
      Acho que é minha ansiedade que me obriga a seguir uma ordem.. hahaha.. mas estou gostando assim!
      Fico feliz que você tenha gostado! Vou começar a ler tudo de novo, para escrever as resenhas.

      Beijos;

      Excluir
  5. Olá!
    Tenho muita vontade de ler o primeiro livro, acho a história interessante e acho válido demais se aventurar nessa história.
    beijos.



    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! ^^
      Estou achando muito válido!
      Recomendo a leitura!
      É rápida e interessante!

      Beijos;

      Excluir
  6. Olá,
    Essa versão de Sherlock da BBC é perfeita. To até pra rever.
    Gosto mais que os filmes do RDJ.
    Mas ler mesmo nunca li, só vivo adiando. E parece ser leitura fácil, apesar do Sherlock haha, os quotes são fluídos.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! ^^
      Eu estou revendo! Amo demais! Queria até comprar os dvds, mas tá mais de R$800 pela Amazon! Chocada! Nove temporadas de Arquivo X saiu mais barato! Hahahaha...
      Esse é meu primeiro contato com Sherlock Holmes.
      Até então só tinha ouvido falar mesmo.
      É bem mais fácil do que eu imaginei, ou talvez eu só esteja muito apaixonada pelo John Watson e goste de ouvi-lo contando histórias!

      Até mais;

      Excluir

Agradeço muito a sua visita! Deixe um comentário!

- Atenção: Ao comentar você concorda com as políticas de comentários do blog.
Saiba mais: Políticas de Comentários.

Todos os comentários são revisados antes da publicação.
Obs: Os comentários dos leitores não refletem a opinião do blog.