agosto 22, 2015

[Resenha] A Vida o Universo e Tudo Mais

Infelizmente os livros estão começando a me entediar. Muita descrição, divagação e pouca ação estão começando a deixar a leitura arrastada.
Sinopse: A Vida, o Universo e Tudo Mais - Após as loucas aventuras vividas com seus estranhos amigos em "O Guia do Mochileiro das Galáxias" e "O Restaurante no Fim do Universo", Arthur Dent ficou cinco anos abandonado na Terra Pré-Histórica. Mesmo depois de tanto tempo, ele ainda acordava todas as manhãs com um grito de horror por estar preso àquela monótona e assustadora rotina. Talvez Arthur até preferisse continuar isolado em sua caverna escura, úmida e fedorenta a encarar a próxima aventura para a qual seria forçosamente arrastado: salvar o Universo dos temíveis robôs xenófobos do planeta Krikkit. Este é o terceiro volume da "trilogia de cinco" de Douglas Adams, um dos mais cultuados escritores de ficção científica de todos os tempos. Seu humor corrosivo e sua habilidade em criar situações improváveis tornam seus livros indispensáveis para qualquer um que tenha capacidade de debochar de si mesmo. Usando o planeta Krikkit como paródia da nossa sociedade e das guerras raciais, Adams cria uma história divertida, inteligente e repleta dos mais inusitados significados sobre a vida, o universo e tudo mais.
As tiradas do livro ainda estão bem engraçadas, mas tem alguma coisa nessa série me deixando cansada da história. Acho que a única motivação que tenho para continuar lendo é a curiosidade para saber como tudo vai terminar.
"É isso que POP quer dizer. Problema de outra pessoa. O cérebro simplesmente o apaga, como um ponto cego. Se você olhar diretamente para ele não verá nada, a menos que saiba exatamente o que é. A única chance é conseguir ver algo olhando de soslaio."
"O mais perturbador em tudo isso - tirando a Estátua, que estamos aos poucos introduzindo, por etapas - era a implicação muito clara de que todas aquelas pessoas e criaturas eram de fato uma só, repetida várias vezes."
"A instabilidade do voo do prédio o deixava em pânico e, após algum tempo, pegou a toalha que estava na bolsa e fez com ela algo que, mais uma vez, justificava sua posição suprema na lista de coisas úteis que devem ser levadas ao pegar carona pela Galáxia: vendou os olhos, pois assim não teria que ver o que estava fazendo."
Pelos quotes dá pra perceber como são os livros. Esse é o ritmo e as ideias escritas na maior parte do livro. As críticas à sociedade e o humor ácido de Adams continuam, mas não foram suficientes para fazer a leitura fluir.

Eu vou continuar lendo, mas depois de um descanso entre esse livro e o próximo. É uma leitura interessante e não posso dizer que não estou gostando, mas prefiro histórias mais ágeis do tipo que tiram o fôlego.
Título: A Vida o Universo e Tudo Mais
Autor: Douglas Adams
Páginas: 160
Editora: Sextante
Ano: 2005
Link do livro no Skoob: A Vida o Universo e Tudo Mais
Bom, infelizmente criei muitas expectativas sobre esse livro e ele não foi tão legal assim.
Alguém já havia lido? Animou em ler?

4 comentários:

  1. Muuuito legal, como sempre suas postagens são maravilhosas <3 :D

    www.naprimaverablog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá! Não conhecia o livro ainda, parece ser legal. Mas entendo o que você quer dizer com livros de tirar o fôlego. Existem livros bons, mas existem aqueles que são únicos, inesquecíveis!

    Beijos
    albumdeleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! ^^
      Pois é.. gosto muito de livros que são mais assim. Quando fica muito parado me desanima um pouco.

      Beijusss;

      Excluir

Agradeço muito a sua visita! Deixe um comentário!
- Todos os comentários, sem exceção, são respondidos. Clique em "Notifique-me" e fique de olho.

- Atenção:
Ao comentar você concorda com as políticas de comentários do blog. Saiba mais: Políticas de Comentários.

Obs: Os comentários dos leitores não refletem a opinião do blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...