junho 30, 2012

[Resenha] Amanhã Você Vai Entender

“Einstein diz que o senso comum é apenas o hábito de se pensar algo. É o modo como estamos acostumados a pensar sobre tal coisa, e muitas vezes ele só atrapalha.” - Amanhã Você Vai entender - Pg.60

Miranda está em meio a um grande enigma. Um estranho pode ter invadido sua casa, seu melhor amigo foi agredido na rua e uma série de bilhetes, que ela não compreende nem tampouco sabe quem escreve, alerta sobre a morte de alguém. Alguém próximo. Alguém que ela poderá ajudar a salvar.
Mas, para isso, a menina precisa descobrir o que está acontecendo. Bilhete após bilhete, as peças do quebra-cabeça se juntam, até que finalmente o cenário se completa e Miranda percebe que a resposta sempre esteve ali, bem na frente dela - mas o tempo é ardiloso: guarda hoje momentos que só amanhã você vai entender.
O que primeiro chamou minha atenção para esse livro foi a capa e o título. A ilustração na capa mostra uma Nova Iorque da década de 70 com a figura de uma menina correndo atrás de um menino. Muito provavelmente Miranda e seu amigo Sal (o desenho dos dois é bem pequeno e está próximo ao pé da página). Já o título me deixou com uma enorme vontade de saber o que seria possível entender amanhã.

É um livro de leitura rápida, com capítulos muito pequenos e seus títulos são inspirados no concurso do programa de TV “A pirâmide de 20 Mil Dólares” o qual a mãe de Miranda é convidada a participar. É um jogo onde para ganhar o candidato tem que acertar a palavra de acordo com as dicas que seu parceiro de jogo lhe passa. O livro é narrado em primeira pessoa pela protagonista Miranda que vê seu mundo virar de cabeça para baixo quando seu melhor amigo apanha na rua e passa a evitá-la. Ao mesmo tempo, bilhetes estranhos começam a aparecer em lugares particulares evidenciando que alguém, que ela não conhece, está tendo acesso à suas coisas e à sua rotina.

junho 29, 2012

Mente Hipercriativa - 2 Anos de vida!


Não imaginava chegar tão longe, mas ontem o blog Mente Hipercriativa completou 2 anos de existência!!!!! 

(Sim, esse post era pra ontem (28/06), mas acabei não tendo a chance de postar. Vocês devem ter percebido - eu espero - meu sumiço, mas é que estou com internet banda larga aqui agora depois de 10 anos com internet discada. Estou na fase do nooooooooooooooosa!!!!!!!!! É muito rááááááápido!!! Daqui a pouco me acostumo..rsrsrs...)

O Blog Mente Hipercriativa começou como uma alternativa pra que eu pudesse escrever textos sobre os mais variados assuntos, o que não era pertinente a meu blog Universo Invisível. Comecei de forma tímida publicando textos com minha opinião e curiosidades que eu encontrava na internet. Ao pouco descobri que seria muito agradável compartilhar com os visitantes do blog resenhas e opinião sobre os livros e filmes. Hoje, o Mente Hipercriativa tem um pouco de tudo. Abrange o mundo do entretenimento e das curiosidades do dia a dia. Espero que o formato das publicações do blog esteja agradando à todos!

Tenho muito que agradecer á todos vocês que visitam e comentam as postagens e ajudam a manter vivo o blog assim como minha vontade de continuar postando cada vez mais!!

Muito obrigado à todos vocês!
As fatias desse bolo não são só minhas!! 
O blog não teria continuado e chegado à esses 2 anos se não fossem por vocês!!

junho 24, 2012

[Foto]Fotografia... minha segunda paixão!

Oi! 

Quem já visita meu blog há algum tempo já deve ter visto alguma fotografia tirada por mim por aqui. Depois de ler, o que eu mais gosto de fazer é tirar fotos (considerando que ouvir musica é uma atividade que pode ser praticada nas duas ocasiões). 

Passo horas andando por um jardim, praça ou outro lugar, com minha câmera de 5MP na mão tirando fotos de tudo que fica parado por tempo suficiente. É mais um dos meus hobbies. Seria até bem agradável se tornasse uma profissão, mas eu tenho uma dificuldade enorme de evitar que minhas mãos tremam e muitas fotos acabam saindo péssimas (ainda bem que já estamos na era digital. É só jogar fora e tirar outra), então não acho que faria disso meu meio de sobrevivência. Às vezes uso o flash para corrigir esse problema (na maioria das vezes funciona), mas isso me impede de tirar fotos com efeitos de luz já que o flash “estraga” tudo. 

Desconsiderando esse problema, até que consigo fazer um bom trabalho! ^^ 

De hoje em diante postarei algumas dessas fotos para que vocês possam ver!! Espero que gostem!!

junho 20, 2012

[Conto] Aparência

Eu escrevi esse conto e publiquei pela primeira vem em 20 de outubro de 2011 no meu blog Universo Invisível. O pessoal que passou por lá aprovou, por isso resolvi publicá-lo aqui também. Caso queiram ler esse ou outro conto direto no Universo Invisível é só clicar: http://universo-invisivel.blogspot.com.br 
Beijos; 
Espero que gostem, 
Helaina 
______________________ 

Que péssimo”, ela praguejava em seus pensamentos. “Bem hoje eu tinha que ficar sem internet e acabar nesse infocentro”. Mariana achava ruim usar o infocentro comunitário porque as pessoas que frequentavam o lugar pareciam desconhecer completamente o significado da palavra comunitário e deixavam os computadores em péssimo estado de conservação. 

As 20 máquinas estavam ocupadas e ela teve que esperar ao lado da porta da sala. Os computadores estavam dispostos sobre mesas longas. Quatro sobre cada mesa com cadeiras de plástico dispostas de frente a eles. Nas paredes da sala, cartazes com normas de uso, haviam sido colados, mas eram amplamente ignorados. Ela teve certeza disso quando um dos computadores finalmente foi desocupado. O garoto que o estava usando. Havia praticamente um ninho feito de papel de bala em volta do teclado. Mariana suspirou ao se sentar de frente à máquina e começou a juntar os papeizinhos os jogando na lixeira antes de começar a usar o computador. 

junho 19, 2012

Quote #1

Eu já postei algumas frases para refletir aqui no blog, bem no início dele, com os posts Para Refletir I, II e III. Com o tempo esse tipo de post acabou ficando esquecido, mas agora resolvi voltar com eles principalmente depois de encontrar essa imagem na internet. O texto está em inglês, mas irei traduzi-lo.

junho 18, 2012

Blogs que eu sigo, ou não...


Oi pessoal! Tudo bem com vocês?

Eu tenho notado uma coisa estranha na minha lista de blogs que sigo aqui no blogger e às vezes estou tendo péssimas decepções.

Não sei se já aconteceu com algum de vocês, mas às vezes os blogs simplesmente somem da minha lista sendo necessário que eu os siga novamente. O problema nem tanto ter que seguir os blogs novamente, o que eu faço com muito prazer. O pior é que o blogger não avisa e acabo percebendo somente quando comparo minha lista com o gadget “Sigo e Recomendo” que mantenho na aba lateral do Mente Hipercriativa.

junho 16, 2012

[Resenha] Os Contos de Beedle, O Bardo.

Traduzidos das runas originais por Hermione Granger, como o próprio livro informa na primeira página, este livro traz cinco estórias, em formato de contos de fadas, contadas pelos pais bruxos à sua “gente pequena”. Um exemplar desse livro, como muitos devem lembrar, foi doado à Hermione por Dumbledore após sua morte e acaba por ajudar o trio a descobrir a verdadeira estória por trás das Relíquias da Morte, já que este é um dos contos presentes no livro. Mas além desse conto já conhecido, outros quatro, não menos magníficos estão contidos nos Contos de Beedle, o Bardo.

Com uma introdução feita pela própria JK Rowling e comentários de Albus Dumbledore, o livro aumenta nosso repertório de contos de fadas que poderão um dia ser contadas a nossos filhos, ou netos. Cada um deles tem uma moral, como é comum em contos de fadas, e acho que são completamente aplicáveis tanto a bruxos quanto a muggles.

Vale à pena ressaltar também que “os royalties desse projeto foram doados ao Children’s High Level Group, uma organização cujo objetivo é beneficiar crianças que precisam desesperadamente ser ouvidas” (palavras da própria JK Rowling).    

Bom, não vou dar mais detalhes da obra, porque cada pedacinho desse livro é mágico e quem for ler merece descobrir cada uma de suas peculiaridades. Vamos então à resenha de cada conto!

junho 13, 2012

[Meme Literário] Selo de Qualidade!

Essa é uma postagem mais do que comemorativa! Além de ser a postagem de número do blog Mente Hipercriativa é uma indicação que o blog recebeu através do blog No mundo dos Livros  a um meme literário! Desde já agradeço muito pela indicação! Fiquei muito feliz mesmo!!

Regra 1. Repassar o selo para 10 pessoas e avisá-las;

Regra 2. Responder às perguntas.

Nome: Helaina Carvalho

Uma música: Laid To Rest - Molotov Jukebox (A vocalista é a Natalia Tena, a Nymphadora Tonks).

10 coisas sobre mim:

junho 12, 2012

[Sessão Pipoca Nostálgica] Jumanji

Não é segredo para a maioria dos que frequentam meus blogs que eu não sou mais uma adolescente. No entanto tem muita coisa sobre a qual gostaria de ter publicado, mas sem internet e sem computador há 10 anos isso era impossível. Resolvi então começar mais essa categoria de post. Os nostálgicos! Não quero com eles dizer que minha infância e adolescência foi melhor do que a de hoje, pois tanto as criança quanto os adolescentes e também os mais velhos que eu, vão discordar. Quero apenas compartilhar muitas coisas boas que eu vivi, li ou assisti e que, com um pouco de sorte ainda podem ser encontradas em lojas ou locadoras! 

Um jogo para aqueles que querem demais um caminho pra deixar seu mundo pra trás.

Um filme típico de sessão da tarde, com boas doses de aventura, comédia e umas pitadinhas suaves de romance. Diversão garantida para toda a família (clichê, mas verdadeiro! :D), Jumanji é um filme sobre um jogo de tabuleiro de mesmo nome encontrado pelo Jovem Alan Parrish (Adam Hann-Byrd) enterrado perto da fábrica de sapatos de seu pai. Ele leva o jogo para casa e mais tarde começa a jogá-lo com sua colega de escola Sarah Whittle (Laura Bundy). 

No tabuleiro, “bonequinhos” no formato de animais da savana africana, revelam a temática de selva presente no jogo. A dinâmica do jogo é o simples jogar dados para avançar de casa em casa e ver que surpresa cada uma revela ao jogador. No entanto Jumanji não tem nada de simples e cada jogada se revela um tanto perigosa e algo inesperado acontece impossibilitando que Alan e Sarah continuem jogando. 

Atenção aventureiros. Não comecem a menos que queiram terminar. As excitantes consequências do jogo irão desaparecer apenas quando um jogador a Jumanji chegar e seu nome pronunciar.

junho 10, 2012

[Selinho] Eu adoro visitar esse blog!

Quero agradecer muito à Tais Martins por esse selinho!!! Adorei!! 
Muito obrigada!! :D


REGRAS: 
  1. Dizer quem repassou o selinho: Lado B
  2. Dizer uma qualidade pessoal: Sou perfeccionista. Não dou uma coisa por acabada até que esteja perfeita. E sempre acho que tudo ainda pode melhorar um pouquinho. 
  3. Contar um defeito: Sou perfeccionista. Difícil de ficar satisfeita com o próprio trabalho. Muita coisa minha, principalmente o que eu escrevo, fica engavetada porque eu acho que não está bom o suficiente!

junho 07, 2012

[Resenha] Formaturas Infernais

Tem dias que eu ponho de lado as estórias mais fantásticas e procuro um romance “água com açúcar”. No entanto dessa vez resolvi ficar com um pouco das duas coisas alugando um livro de contos: Formaturas Infernais. São 5 estórias que tem a formatura como pano de fundo. Vamos à resenha de cada uma individualmente.



junho 03, 2012

Wizards in Black

Tem mais gente querendo entrar pra equipe!! 

Mas tinha que ser Mr. S e Mr. M.... Mister M!!! Huahuahuahuahuahuahua.... Oh my God!! O Lucius não dá sorte nem pra trabalhar na MIB!!!!! XD

junho 01, 2012

[Sessão Pipoca] MIB 3

K Jovem (Josh Brolin), J (Will Smith) e K (Tommy L Jones).
Terça-feira fui ao cinema assistir esse novo filme da franquia Homens de Preto. Para ser sincera eu fui ver o 3º filme apenas porque já havia visto os outros dois. Não esperava nada além de algumas piadas e muitos alienígenas colocando a Terra em perigo. Pois o filme tem isso e muito mais! Foi, no fim das contas, uma maravilhosa surpresa!

Boris (Jemaine Clement)
Homens de Preto 3 traz um tipo de tema que eu adoro: viagem no tempo. Um alienígena muito perigoso chamado Boris (Jemaine Clement), preso no final dos anos 60 pelo agente K (interpretado por Tommy Lee Jones no tempo presente e Josh Brolin quando mais jovem) consegue fugir da prisão de segurança máxima colocando a Terra em perigo. A ameaça aumenta quando K resolve voltar no tempo para matar o alienígena ao invés de simplesmente prendê-lo. Boris também descobre uma maneira de voltar no tempo, e a partir daí muitas consequências desastrosas conspiram e a Terra se vê próxima da aniquilação total. Nesse cenário apocalíptico cabe a J (Will Smith) voltar no tempo e desfazer todo o transtorno evitando que o planeta seja destruído.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...